2011 - HOMENAGEM A JEAN RENOIR

2011 - HOMENAGEM A JEAN RENOIR


 

O Fantasporto realiza em 2011 uma homenagem do mestre Jean Renoir, com a colaboração da Embaixada de França. Autor de filmes sublimes como “A Semente do Ódio”, “A Regra do Jogo” e “A Festa dos Sentidos” foi um autor incompreendido no seu tempo. 

 

Jean Renoir é hoje considerado um dos melhores realizadores de todos os tempos, homem de uma extrema sensibilidade e de extraordinário gosto estético, que soube utilizar a luz como poucos. A sua carreira cinematográfica vem do tempo do cinema mudo tendo ainda feito televisão. Contando para já com o Alto Patrocínio do Ministério da Cultura, via ICA e Câmara Municipal do Porto, da União Europeia, através do Programa MEDIA, do Ministério da Economia, através do Turismo de Portugal, da SuperBock enquanto patrocinador principal e da Zon, o Fantasporto de 2011 realiza-se no Teatro Rivoli entre os próximos dias 21 de Fevereiro e 6 de Março de 2011. 

 

Nascido em 1894, Jean Renoir era filho do pintor impressionista Auguste Renoir. Viveu grande parte da sua vida nos Estados Unidos da América onde viria a morrer a 12 de Fevereiro de 1979, tinha 84 anos. No entanto foi enterrado em França, depois de um funeral com honras de Estado. O seu interesse pelo cinema começou muito cedo (aos 10 anos), mas só no final da Primeira Guerra Mundial e depois de ter visto, sobretudo, os filmes de Charlie Chaplin, Jean Renoir começou a pensar dedicar-se ao cinema. Os seus filmes sempre foram originais, complexos e tão tecnicamente arrojados que na altura poucos notavam a sua intrincada estrutura. Da sua vasta filmografia de quase meia centena de filmes teve momentos muito altos na sua carreira com obras como “A Grande Ilusão” (1937), prémio de Melhor Contribuição Artística no Festival de Veneza, “A Regra do Jogo” (1939) vencedor do Prémio Bodil de Melhor Filme Europeu, “A Semente do Ódio” (1945), nomeado para Óscar de Melhor Realizador e “O Rio Sagrado” (1951) Prémio Internacional no Festival de Veneza. Em 1975 a Academia de Hollywood atribuiu a Jean Renoir um Oscar Honorário a “um génio, que com elegância, responsabilidade e devoção para com o cinema mudo, sonoro, documentários e televisão ganhou a admiração do todo o Mundo”. Jean Renoir tem, igualmente, uma estrela no Passeio da Fama, na Hollywood Boulevard. A revista norte-americana “Entertainment Weekly” considerou Jean Renoir o 12º melhor realizador de todos os tempos, sendo o realizador francês mais bem colocado na lista. 

 

Dez filmes do Realizador serão exibidos neste ciclo que o Fantasporto lhe dedica. Considerado pelo Ministério da Cultura como “Iniciativa de Manifesto Interesse Cultural”, o Fantasporto recebeu a Comenda de Mérito Cultural atribuída pelo Estado e a Medalha de Grau Prata atribuída pela Assembleia da República Portuguesa. Foi galardoado, igualmente, com as Medalhas de Mérito – Grau Ouro das Câmaras Municipais do Porto e de Vila Nova de Gaia. O certame é organizado pela Cooperativa Cinema Novo, entidade considerada pelo Governo Português como Pessoa Colectiva de Utilidade Pública. O Turismo de Portugal considerou o Fantasporto como uma das 10 marcas culturais mais prestigiadas em Portugal e “na qual vale a pena investir” tendo-lhe sido atribuído em 2009 o Prémio de Turismo para o Melhor Evento Cultural realizado anualmente em Portugal.

 


  • 19.12.14
    SO CINEMA PORTUGUÊS


    FERNANDO VENDRELL RECEBE PRÉMIO DE CARREIRA DO FANTASPORTO Como sempre, o cinema português está representado no FANTAS, desta vez, com cerca de 60 filmes .

  • 19.12.14
    TODOS OS FILMES SELECCIONADOS


    A cidade do Porto, , capital do Norte de Portugal, debruçada sobre o Rio Douro e este ano considerada de novo o “Melhor Destino Turístico da Europa”, recebe há 35 anos um dos festivais de cinema mais prestigiados a nível Europeu, senão Mundial.

  • 17.12.14
    ORIENT EXPRESS E MUITO MAIS CINEMA


    O MUNDO DO CINEMA PARA VER EM PRIMEIRA MÃO MAIS 17 FILMES INÉDITOS NUM FANTAS INVULGAR...