FANTASPORTO  2014

 

34th edition of the OPORTO INTERNATINAL FILM FESTIVAL

 

PRÉMIOS - AWARDS

 

JURI INTERNACIONAL CINEMA FANTÁSTICO (fantasy film jury)

Cyril Despontin (fetival director) Fra; Loris Curci (producer)Ita; Jordi Navarro (film teacher) Esp; Nigel Floyd (film critic) GB; Vassilis Mazomenos (producer and director) Gre

 

O Juri Internacional da secção de Cinema Fantástico da 34ª edição do FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DO PORTO decidiu atribuir os seguintes Prémios:

The International Jury of the Fantasy Section on the 334th Oporto International Film Festival - Fantasporto 2013 has decided to grant the following awards:

 

GRANDE PRÉMIO MELHOR FILME -FANTASPORTO 2014

(Best Film Award Fantasporto)

 

Miss Zombie- Hiroyuki Tanaka (Sabu)  Japão/Japan

 

PRÉMIO ESPECIAL DO JURI

(Jury’s Special Award)

 

Chimères- Olivier Beguin- Suiça

 

MELHOR REALIZAÇÃO

(Best Direction)

 

Big Bad Wolves- Aharon Keshales, Navot Papushado-  Israel

 

MELHOR ACTOR

(Best Actor) 

 

Duval’e Glickman -  Big Bad Wolves- Israel

 

MELHOR ACTRIZ

Best Actress)

 

Ann Walton - Soulmate – Axelle Carolyn- GB

 

MELHOR ARGUMENTO

(Best Screenplay)

 

Sang –Ho Yeon -The Fake  – Coreia do Sul

 

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS

(Best Special Effects)

 

Witching and Bitching  (las Brujas de Zagarramurdi)– Alex de la Iglesia - Esp/Fra-

 

 

MELHOR CURTA-METRAGEM FANTASPORTO 2012

(Best Short Film)

 

Rabbitland- Ana Nedeljkovic, Nichola Majdak, Jr - Sérvia

 

24ª SEMANA DOS REALIZADORES /DIRECTORS WEEK

Prémio Manoel de Oliveira /Manoel de Oliveira Award

Ian Hayden Smith (fim critic), GB;  Alice de Sousa (actress and producer) GB; Christoph Thoke (producer) Ger, Horacio Urban (producer) Arg; Isabel Pina (producer)Port

 

O Júri Internacional da 24ª Semana dos Novos Realizadores do Fantasporto 2014 decidiu atribuir:

The International Jury of the 24th Directors Week –Fantasporto 2014 has decided to grant the following awards:

 

PRÉMIO MELHOR FILME SEMANA DOS  REALIZADORES 2014

MANOEL DE OLIVEIRA´S AWARD

(Directors Week Best Film  Award)

 

Heavenly Shift- Márk Bodzsár- Hungria

 

PRÉMIO ESPECIAL DO JURI

(Directors Week Jury’s Special Award)

 

Love me-  Maryna Gorbach, Mehmet Bahadir Er-Ucrânia/ Turquia 

 

MELHOR REALIZADOR

(Directors Week Best Director Award)

 

Carlos Cuarón- “Sugar Kisses” (Besos de Azucar) -   Mexico

 

MELHOR ARGUMENTO

(Directors Week Best Screenplay Award)

 

“Love me”-  Maryna Gorbach, Mehmet Bahadir Er-Ucrânia/ Turquia 

 

MELHOR ACTOR

(Directors Week Best Actor Award)

 

Garreth  Dillahunto – “Houston”- Alem

 

MELHOR ACTRIZ

(Directors Week Best Actress Award)

 

Onata Aprile - What Maisie Knew-  EUA

 

PRÉMIO ORIENT EXPRESS / ORIENT EXPRESS AWARD

Cyril Despontin (fetival director) Fra; Jordi Navarro (film teacher) Esp;

 

MELHOR FILME (Best Film Orient Express)

 

Why Don’t You Play in Hell? (Shion Sono- Japão

 

PRÉMIO ESPECIAL (Special Award Orient Express)

 

Miss Zombie- Hiroyuki Tanaka (Sabu)- Japão

 

PRÉMIO CINEMA PORTUGUÊS

 

MELHOR FILME  PORTUGUÊS 2014

(Best Portuguese Film Award)

 

José Combustão dos Porcos de José Magro

 

MELHOR ESCOLA DE CINEMA PORTUGUESA 2014

(Best Film School Award)

 

Universidade Católica do Porto

 

 

PRÉMIOS NÃO OFICIAIS

 

PRÉMIO DA CRÍTICA

(Critics Award)

 

Love me-  Maryna Gorbach, Mehmet Bahadir Er -Ucrânia/ Turquia 

 

 

PRÉMIO DE PÚBLICO

(Audience Award)

 

Las Brujas de Zagarramurdi (Witching and Bitching) – Alex de la Iglésia

 

 

PRÉMIO DE CARREIRA 2013:

(Career Award)

 

Henrique Espírito Santo

Produtor

 

 

FANTASPORTO HOMAGES

 

Antónia Gomes

 

Painter – for her contribution to the festival

 

Helena Leão

Painter – for her contribution to the festival

 

Rui Videira

Photographer- for his contribution to the Festival

 

 

 

FANTASPORTO 2014: ASIÁTICOS E EUROPEUS ARREBATAM PRINCIPAIS PRÉMIOS DO FESTIVAL

O filme japonês “Miss Zombie”, de Hiroyuki Tanaka, mais conhecido como Sabu, um dos filhos do Fantas, é o grande vencedor da Secção Oficial de Cinema Fantástico do 34º Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto, que hoje termina no Rivoli Teatro Municipal, no Porto.

Sabu é um velho conhecido do Fantasporto, tendo o seu primeiro filme, “Dangan Ranna”, sido um dos nomeados para Melhor Filme em 1996 neste festival. Em “Miss Zombie”, Sabu traz-nos uma sátira social repleta de humor negro passada num Japão do futuro onde os zombies são ao mesmo tempo animais de estimação e animais domésticos. O Prémio Especial do Júri foi para o delirante “Chimères”, do realizador suíço Olivier Beguin, uma história de um casal de apaixonados infectado por um vampiro, enquanto o galardão para a melhor realização vai para a dupla Aaron Keshales e Navot Papushado pelo seu trabalho em “Big Bad Wolves”, filme que também obteve o prémio para o Melhor Actor, pela actuação de Duval’ Glickman. Esta dupla israelita, presente no Fantas pela segunda vez, volta a ser multi-premiada após o êxito de “Rabbies”, em 2012, que então venceu o Prémio da Crítica. A actuação de Ann Walton, protagonista feminina do filme britânico “Soulmate”, valeu-lhe o prémio para a Melhor Actriz, enquanto o júri internacional decidiu atribuir o prémio para o Melhor Argumento ao filme de animação sul-coreano “The Fake”, do respeitado realizador e argumentista Sang-Ho Yeon. “Las Brujas de Zugarramurdi” (Witching and Bitching), do espanhol Alex de la Iglesia (que apresentou o seu primeiro filme – “O Dia da Besta” – no Fantasporto), obteve o Prémio para os Melhores Efeitos Especiais. Quanto à Semana dos Realizadores, o vencedor da categoria Melhor Filme foi “Heavenly Shift”, do húngaro Márk Bodsár, sobre as atribulações de um refugiado da guerra da ex-Jugoslávia na Hundria. O Prémio Especial do Júri nesta competição vai para o filme turco-ucraniano “Love me”, da dupla de realizadores Maryna Gorbach e Mehmet Bahadir Er, que ganha também o prémio para o Melhor Argumento. O mexicano Carlos Cuarón (já detentor de um Óscar e irmão de Alfonso Cuarón, duplamente oscarizado em Hollywood) venceu o Prémio para o Melhor Realizador nesta competição pelo seu filme “Besos de Azúcar”. O júri premiou as melhores interpretações dos filmes a concurso nesta secção. Garreth Dillahunto, pelo seu trabalho em “Houston”, do alemão Bastien Gunther, e a Onata Aprile, pela sua prestação em “What maisie Knew”, da dupla norte-americana de realizadores Scott McGehee e David Siegel.

Quanto à secção Orient Express, que distingue as cinematografias do Extremo Oriente, ambos os prémios vão para o Japão: o Melhor Filme é “Why Don’t You Play in Hell?” de Shion Sono, enquanto o vencedor do Fantasporto, “Miss Zombie”, de Sabu, acumula também o Prémio Especial do Júri.O Prémio do Público, atribuído por um júri de cinco participantes no festival, foi para “”Las Brujas de Zugarramurdi”, de Alex de la Iglesia, enquanto o prémio da Crítica, atribuído por um júri internacional formado por cinco jornalistas que cobriram o festival, foi para “Love Me”, de Maryna Gorbach e Mehmet Bahadir Er.

HOMENAGEM A HENRIQUE ESPÍRITO SANTO QUE RECEBE À NOITE O PRÉMIO FANTASPORTO POR UMA CARREIRA

O Fantasporto homenageou este ano, um dos maiores produtores de cinema portugueses de sempre, Henrique Espírito Santo, responsável pela criação do Centro Português de Cinema, o qual deu vida ao movimento chamado de Novo Cinema Português, que deu a conhecer as primeiras obras de cineastas portugueses como José Fonseca e Costa, Luís Filipe Rocha e João César Monteiro, entre muitos outros.